Você está pronto para ser batizado?

As referências bíblicas incluídas abaixo são sugestivas, pois são muitas que poderiam ser citadas em cada um dos pontos. Para maiores informações consulte o livro: Cristianismo original, ou peça um estudo particular em pessoa.

#1. Você está pronto para ser batizado quando você sabe que somente em Jesus Cristo podem seus pecados ser perdoados e você retornar à presença de Deus, Efésios 1.7.

#2. Você está pronto para ser batizado quando você crê em Jesus como Deus na carne, Aquele que morreu como sacrifício em nosso lugar, o Ressuscitado que virá novamente, João 8.24; 2 Timóteo 3.15.

#3. Você está pronto para ser batizado quando decide abandonar a velha vida do pecado e viver uma vida santa, imitando o Senhor Jesus, Lucas 24.46-47; Atos 2.38.

#4. Você está pronto para ser batizado quando você declara publicamente ser um seguidor do Senhor Jesus Cristo, mesmo frente à morte, Romanos 10.10; Apocalipse 2.10.

#5. Você está pronto para ser batizado quando entende a razão do batismo, como sepultamento na morte de Cristo, para ter os pecados lavados pelo seu sangue, Romanos 6.1-4; Atos 22.16.

#6. Você está pronto para ser batizado quando aceita participar no sofrimento de Cristo a fim de que o evangelho seja proclamado, 1 Pedro 2.9-12.

#7. Você está pronto para ser batizado quando assume o compromisso de mostrar amor fraternal e sincero à família de Cristo, 1 Pedro 1.22.

Ver este estudo online para mais detalhes, junto com estas referências.

Conversão: mudança de consciência

consciencia

No seu artigo, nosso amigo Mike mostra como a conversão muda a consciência, uma quinta mudança à luz da Bíblia:

A conversão é uma mudança de consciência. Quando somos verdadeiramente convertidos a Cristo, nossa consciência se muda de um estado mau a um estado bom perante Deus, ver Tito 1.15-16; 1 Timóteo 1.5; 1 Timóteo 1.18-19; 1 Pedro 3.18-21. Quando nossa consciência está limpa e correta perante Deus, Atos 23.1; Atos 24.14-16, pensaremos coisas corretas, Tito 1.15; Filipenses 4.8-9.

A consciência é a voz interna que nos acusa ou nos justifica ao julgar os nossos atos. Ela pode ser bem informada ou mal informada. Ela precisa ser guiada pela Escritura, pois ela julga conforme as informações que ela tem. Se ela tem informações erradas, não poderá julgar corretamente.

O funcionamento da consciência, portanto, já nos mostra como não somos corretos perante Deus. O fato de precisarmos de um juiz interno demonstra a tendência humana de pecar. A existência da consciência é evidência da nossa pecaminosidade e da nossa necessidade de um Salvador.

Continue lendo “Conversão: mudança de consciência”