7 verdades sobre Deus em Ezequias 33

O Antigo Testamento é uma mina rica de verdades sobre Deus e seus caminhos. Os profetas revelam o coração e intenções do Senhor. Pegue um gostinho de verdades sobre Deus desta pequena fatia de Ezequiel 33.

#1. Deus é revelador. “Esta palavra do Senhor veio a mim” Ez 33.1. Ele informa ao homem o que está fazendo e o que ele espera dele. Deus não faz nada sem nos deixar saber as suas intenções e ações, Am 3.7; Ef 3.5. As coisas que ele reveal são para todos nós, para que obedeçamos aos seus mandamentos e desta maneira encontremos alegria e paz, Dt 29.29. Sua revelação a nós, agora encontrada na Bíblia, é para nossa salvação. “O Senhor anunciou a sua vitória e revelou a sua justiça às nações” Sl 98.2.

#2. Deus responsabiliza as pessoas. “(…) considerarei a sentinela responsável pela morte daquele homem” Ez 33.6. Este capítulo e o capítulo 13 falam muito sobre a responsabilidade do homem e sobre o juízo de Deus. Cada indivíduo responde a Deus pelas próprias ações e não pelas dos outros. Muitos pais hoje mandam os filhos fazerem algo, mas não se importam se eles fazem ou não. (Parece que os pais só gostam de ouvir a própria voz.) Não estão dispostos a acompanhar e disciplinar os filhos. Parte dos males da nossa sociedade têm raiz na falta de castigo da criança. Que nunca pensemos que Deus é como um pai negligente. Seremos julgados no último dia pela palavra escrita, Jo 12.48.

#3. Deus deseja que o homem viva. “Juro pela minha vida, palavra do Soberano, o Senhor, que não tenho prazer na morte dos ímpios, antes tenho prazer em que eles se desviem dos seus caminhos e vivam. Voltem! Voltem-se dos seus maus caminhos! Por que o seu povo haveria de morrer, ó nação de Israel?” Ez 33.11; ver Lm 3.33. Deus tem as melhores intenções para com o homem. Tudo o que faz é para o bem do homem, Sl 119.68. Falando de Jó — logo o sofrido Jó! — Tiago escreveu: “Vocês ouviram falar sobre a perseverança de Jó e viram o fim que o Senhor lhe proporcionou. O Senhor é cheio de compaixão e misericórdia” Tg 5.11. Jeremias lembrou o povo: “‘Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês’, diz o Senhor, ‘planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro'” Jr 29.11. De que consistem estes planos? “Então vocês clamarão a mim, virão orar a mim, e eu os ouvirei. Vocês me procurarão e me acharão quando me procurarem de todo o coração” vv. 12-13.

#4. Deus é justo e julga com retidão. “Mas eu julgarei cada um de acordo com os seus próprios caminhos” Ez 33.20. O homem pensa que Deus seja injusto, mas ele na verdade não tem a mínima ideia do que é a justiça. Queremos juízes que nos isentem de responsabilidade, que façam sentença baseada em quem são seus amigos — e queremos que o juiz seja amigo nosso. Mas Deus julga conforme seus princípios, estes alinhados com sua natureza e caráter. Que alívio, na verdade, que podemos sempre saber quais serão os seus juízos!

#5. Deus conhece o coração do homem. “Mas é o caminho deles que não é justo” Ez 33.17. Lembre-se de que Jesus sabia o que estava dentro do homem, Jo 2.25. O coração é cheio do mal somente, “toda a inclinação dos pensamentos do seu coração [é] sempre e somente para o mal” Gn 6.5. O próprio Jesus declarou: “Pois do coração saem os maus pensamentos, os homicídios, os adultérios, as imoralidades sexuais, os roubos, os falsos testemunhos e as calúnias” Mt 15.19. Então, do que precisamos? Um novo coração! Ez 11.19; 36.26. É isto que Jesus faz no novo nascimento, Jo 3.3, 5.

#6. Deus cumpre suas promessas e suas ameaças. “No quinto dia do décimo mês do décimo segundo ano do nosso exílio, um homem que havia escapado de Jerusalém veio a mim e disse: ‘A cidade caiu!'” Ez 33.21. Os profetas do Senhor diziam que era exatamente isso que aconteceria se o povo não se arrependesse. Não se arrependeu, então o Senhor levou a termo a sua ameaça. Se Deus o disse, pode contar com ele. Não permita que ninguém o convença que ele fará coisas diferentes, na última hora, do que ele já declarou na sua palavra. Ele simplesmente não vai mudar. Leve a sério a Bíblia. Muito sério.

#7. Deus quer que as pessoas saibam que ele é o único Deus. “Eles saberão que eu sou o Senhor” Ez 33.29. O conhecimento do único Deus é a chave de todos os desejos e esperanças e sonhos do homem. Deus não é egoísta nem egocêntrico. A morte de Jesus na cruz matou essa ideia de forma definitiva, Jo 3.16. Tudo o que é chamado de deuses nada mais é além das imaginações e criações do homem, ao ele fugir da alegria na presença do único Deus vivo, em direção à exaltação do desejo e à certeza da destruição. O único Deus é nossa única esperança.

Há mais! Leia o capítulo inteiro você mesmo. Descubra quem é Deus. Saiba como ele trabalha. Entenda qual é a sua vontade. Busque a sua face.

Pergunta? Dúvida? Comentário?